POEMA Conversão de São Paulo por Teófilo Minga

POEMA
Conversão de São Paulo por Teófilo Minga
São Paulo, Apóstolo

Era Saulo…
Deus intervém…
Agora é Paulo,
Para levar o Bem,
Em grandes carreiras,
A todas as fronteiras! (1)

De perseguidor,
Dos que seguiam a Cristo,
Ele torna-se o evangelizador,
Por tantos, agora visto!
Cristo é o seu único caminho,
O grande amor: não está sozinho! (2)

Apóstolo dos gentios, (3)
Desassombrado,
Frente a tantos desafios,
Em seu apostolado.
Mas não desiste,
Livro na mão e espada em riste! (4)

Apóstolo de todas as frentes,
Sem medo de frios ou ventos,
De noites de insónia presentes
No seu andar de todos os momentos! (5)
“Por Cristo irei até ao fim da vida
Minha existência é para Ele, decidida!”. (6)

Ganhar o tempo perdido, outrora,
Em que me venceu a ignorância!
Com a luz que brilhou agora,
Tudo o mais é sem importância!
Sim, “Para mim, viver é Cristo”, (t)
O CENTRO que eu não tinha previsto!


Lima, 25 de janeiro de 2017

1.Todos conhecemos a história de Saulo, o perseguidor… História que se desenrola a caminho de Damasco, segundo as leituras da missa de hoje. Aquela luz, ao cair por terra, transformou-lhe a vida!
2.Cristo tomou-o de verdade! Ao mudar de caminho, Paulo tornar-se-á o apóstolo de todas as frentes e de todas as gentes: judeus e gentios.
3.Apostolo dos gentios, ou dos pagãos para usar uma palavra mais tradicional. Ou, na conhecida expressão latina, a apóstolo AD GENTES.
4.Dois dos símbolos ligados à pessoa de São Paulo: o LIVRO, sinal da sua pregação para tornar Cristo conhecido e amado onde ainda não tinha sido anunciado; e a ESPADA, símbolo da conquista dos gentios e das gentes, em geral, para Cristo, não pela força, mas pela convicção e pelo testemunho e sobretudo pela pregação da Palavra. A espada é o símbolo que representa Paulo como heroico “soldado”, fiel “combatente” de Cristo e por Cristo. A espada na sua vida é o Evangelho de Cristo, a Palavra de Deus, por quem Paulo agora dá toda a sua vida. Ele fala da “espada do Espírito” que é a Palavra de Deus (cf. Ef 6, 10-17).
5.Pequenos eufemismos para falar das grandes dificuldades que teve Paulo. Foi um apóstolo gigante, que não desistiu. Seja ele exemplo para todos nós quando formos tentados a sermos menos entusiastas no nosso apostolado. Algumas dificuldades de Paulo: cf. Gal 2, 1-21; 1 Tim 1, 20; 4, 16; 2 Tim 4, 10.14.
6.Uma reflexão que não se encontra assim textualmente no texto bíblico. Mas foi o que aconteceu depois da experiência de Damasco: a vida de Paulo mudou de 360 graus, isto é, mudou inteiramente, a cem por cento!
7.Está frase sim, aparece muitas vezes nos escritos paulinos! (cf. Fil 1, 21) Cristo, foi realmente o CENTRO da sua vida, de todo o seu apostolado. Por ele foi capaz de dar a vida até ao fim. Não admira que, embora, não estivesse nos grupo dos 12, ele se considera apóstolo, embora o menor de todos. A sua existência, com alguns êxitos e muitos sofrimentos, foi toda para Cristo.
Grande São Paulo que eu admiro e inspira muitas das minhas atitudes, assim como inspira muito a minha missão.
Quando dou algum encontro ou retiro sobre ESPIRITUALIDADE falo, muitas vezes, de santos que nos inspiram. Para mim, São Paulo é um deles!
Em Roma, não deixo de levar os meus amigos turistas ou outros às suas basílicas. Uma das fotos, mostra-me com professoras maristas de Curitiba, visitando a Basílica de São Paulo Extra Muros. Estamos precisamente junto ao túmulo de São Paulo. Uma outra mostra-me junto a grande estátua de São Paulo que está nos jardins, antes da entrada da Basílica.


Mensagens populares deste blogue

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto