AFEGANISTÃO Ataque em área diplomática de Cabul, no Afeganistão, mata 80 pessoas

AFEGANISTÃO
Ataque em área diplomática de Cabul, no Afeganistão, mata 80 pessoas
A explosão aconteceu por volta de 8 horas da manhã, horário local. Ambulâncias e carros tiveram dificuldade para acessar ou sair do lugar.
Edição do dia 31/05/2017 Atualizado em 31/05/2017 15h18
Pedro Vedova Londres

Oitenta pessoas morreram em um ataque a bomba na área diplomática de Cabul, no Afeganistão. Quatrocentas e sessenta pessoas ficaram feridas.
A explosão foi perto da entrada da embaixada alemã, mas é difícil dizer qual era o alvo do ataque porque o bairro é diplomático e tem várias embaixadas.
O que impressiona é que os terroristas conseguiram passar por postos de controle, onde a identificação é exigida. A suspeita é que os autores do atentado tenham fingido que eram funcionários do governo, como do serviço de abastecimento de água, por exemplo.
O ataque foi bem na hora do rush. A explosão aconteceu por volta das 8 horas da manhã, horário local de engarrafamentos, quando as pessoas estão indo trabalhar. Ambulâncias e carros tiveram dificuldade para entrar e sair do lugar do atentado.

O ataque foi em uma área fortemente vigiada, onde ficam representações diplomáticas, prédios de governo, como o Palácio Presidencial, e ministérios. A explosão perto da praça de Zanbaq destruiu vidros a centenas de metros e fez muitos prédios balançarem.

O governo alemão confirmou que a embaixada foi atingida. O chefe da diplomacia alemã declarou que a bomba "feriu pessoas que trabalham por um futuro melhor para o Afeganistão". A embaixada do Japão confirmou que alguns funcionários ficaram ligeiramente feridos e as da França e Turquia foram atingidas, mas sem relatos de feridos.
 A Otan conta com mais de cinco mil militares no Afeganistão. Os Estados Unidos sozinhos, com mais de 8 mil. principal missão dos soldados é treinar o exército local e o governo americano recebe pressão frequente para aumentar a presença militar no país.

Até agora, ninguém assumiu a autoria do atentado. O talibã tinha prometido uma "primavera de ataques", mas negou envolvimento com a explosão.

Mensagens populares deste blogue

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto