Que Maria nos faça ser o brilho da Igreja porque somos missionários por HUGO ANES

No ano do Centenário das Aparições de Nossa Senhora, os Missionários da Boa Nova realizam nos dias 17 e 18 de junho, a 51ª Peregrinação Missionária a Fátima, para aí agradecer, como acontece todos os anos, o carinho e a proteção da Virgem Mãe.

A história da Peregrinação Missionária a Fátima
Em 1940, o então Superior Geral da Sociedade Missionária, Dom Manuel Maria Ferreira da Silva promoveu uma peregrinação de todo o Instituto a Fátima, para aí consagrar oficialmente a Sociedade

Missionária da Boa Nova (SMBN) a Nossa Senhora. A partir dessa data, Maria, ficou constituída Superiora Geral e Protetora da Sociedade Missionária, que só desejava - como hoje – anunciar a Boa Nova de Jesus Cristo a todos os povos.

A primeira Peregrinação Missionária ‘Familiar’
Após a consagração de 1940 e na perspetiva da maior Ordenação Sacerdotal da história da SMBN – foram ordenados 10 sacerdotes nos dias 9 e 10 de junho 1965 - o instituto regressou a Fátima, para agradecer o carinho maternal da Santíssima Virgem, tantas vezes experimentado ao longo dos 25 anos. Esta primeira grande peregrinação missionária envolveu não apenas os aspirantes e membros da SMBN, mas também como os seus familiares e colaboradores. Foi assim que surgiu o cariz ‘familiar’ da Peregrinação da SMBN a Fátima.

A fidelidade à Peregrinação Missionária
A Peregrinação Missionária de 1965 foi um momento marcante na história da SMBN. A alegria e a gratidão aí vividas fizeram nascer o desejo que repetir a Peregrinação a Fátima, o que voltaria a acontecer em 1967. Depois, de ano para ano, o desejo transformou-se em compromisso: “Ir a Fátima com as Missões” tornou-se quase um “mandamento”.

A 51ª Peregrinação Missionária no Centenário das Aparições
O programa:

Dia 17 de junho

14h30- Acolhimento e Sessão Missionária no salão Paulo VI, com os testemunhos dos Missionários Padre José Alexandre (Moçambique), Padre José Guedes (Zâmbia) e a Irmã Tácia (Moçambique), a intervenção do Superior Geral o Padre Adelino Ascenso e as atuações musicais dos Padres Luís Vieira e Horácio Pereira.

17H00 – Saudação a Nossa Senhora, na Capelinha das Aparições, pela Família Boa Nova

18H00 - Eucaristia, presidida pelo Superior Geral da SMBN, na Basílica da Santíssima Trindade

21H30 – Recitação do Terço internacional e procissão de velas, na Capelinha das Aparições

Dia 18 de junho

7H00 – Via Sacra Missionária, evocando os Pastorinhos

10HOO – Terço, Procissão e Eucaristia Dominical presidida pelo Bispo do Porto, Dom António Francisco dos Santos



Mensagens populares deste blogue

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos