IGREJA em movimento CUCUJÃES Festa da família missionária por A. FARIAS

IGREJA em movimento CUCUJÃES  Festa da família missionária por A. FARIAS
Fotos LARANJEIRA

Desde há quase 60 anos se reúne em Cucujães um grande grupo de amigos e membros da Família Boa Nova para celebrar a Missão e viver o nosso comum compromisso missionário de membros do Povo de Deus. Também este ano, no dia 5 de Junho, vieram amigos de várias partes do país, desde o Algarve até Guimarães.
Muita gente se envolveu na preparação da festa desde a ornamentação dos espaços até à liturgia, feirinha missionária e acolhimento dos visitantes nos claustros do Seminário. A alegria e doação das pessoas envolvidas foi uma verdadeira experiência de Missão, num dia de sol  que Deus nos mandou:  um ambiente favorável para um dia de encontro, partilha, celebração e compromisso missionário.
Às 09.00h abriu, com a inundação de amigos no claustro beneditino, a feirinha missionária. Às 10.30: a procissão com a imagem de Nossa Senhora das Missões até ao carvalhal do Seminário onde foi celebrada a Eucaristia presidida pelo Superior Geral da Sociedade, P. Adelino Ascenso e concelebrada por dezena e meia de MBN. Dois missionários, PP. Francisco Mayor Sequeira e Aníbal Morgado, vindos do Brasil e de Angola, deram belos testemunhos missionários das suas missões.
O almoço no claustro do seminário foi outro momento de encontro e de partilha entre todos. Foi uma maneira de estreitar os laços de afecto que nos unem a todos pela mesma causa missionária na Família Boa Nova.
A parte da tarde foi de convívio. Animou a festa o grupo Musical Ibanda que pôs à nossa disposição a potente aparelhagem sonora tanto para a liturgia da manhã como para o convívio da tarde. Todo o mundo cantou e vibrou com a música. Também a Universidade Sénior de S. João da Madeira nos encantou com a exibição do seu orfeão que nos recordou as cantigas dos bons velhos tempos, e com a sua tuna onde os mais idosos nos ensinaram a nunca dependurar a vida no cabide mas a fazer da vida uma festa. Foi bonito ver e sentir a alegria desta gente que aprendeu a tocar instrumentos já com certa idade. A beleza do canto, a alegria de fazer festa e o sorriso destas pessoas contagiou toda a plateia que participou também na exibição. Os seminaristas de Valadares estiveram presentes e animaram com as músicas do Pedro Chey  e também na divulgação das cadernetas do sorteio familiar. Deste modo os nossos amigos puderam contactar com o futuro da Sociedade Missionária.  A tarde terminou com o sorteio que é sempre um momento de muita expectativa.
Esta festa que vem de longe é um dos momentos importantes da vida da SM porque congrega muitos dos seus amigos que partilham a sua vida e Missão, e também vivem o compromisso missionário através da sua oração, apoio afectivo e material. Mais de mil pessoas participaram neste encontro. No final ficou a vontade de voltar de novo e trazer outros amigos para viverem esta experiência de Missão. E nós cá vos esperamos. in
VM julho/agosto 2016

Mensagens populares deste blogue

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto