BOA NOVA A Paz da Boa Nova por IR. EDUARDO

BOA NOVA
A Paz da Boa Nova  por IR. EDUARDO
Na mesma região encontravam-se uns pastores que pernoitavam nos campos, guardando os seus rebanhos durante a noite. Um anjo do Senhor apareceu-lhes, e a glória do Senhor refulgiu em volta deles; e tiveram muito medo. O anjo disse-lhes: «Não temais, pois anuncio-vos uma grande alegria, que o será para todo o povo: Hoje, na cidade de David, nasceu-vos um Salvador, que é o Messias Senhor. Isto vos servirá de sinal: encontrareis um menino envolto em panos e deitado numa manjedoura.» De repente, juntou-se ao anjo uma multidão do exército celeste, louvando a Deus e dizendo: «Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade.»” (Lc 2,8-14)

Vontade é disposição de espírito, sentimento que motiva alguém a agir de uma determinada maneira. Diante dessa passagem do Evangelho que vamos meditar nesse tempo de Natal, a nossa disposição de espírito deve ser a de quem acolhe com alegria a Boa Nova de Jesus e, por causa d´Ele e da sua Mensagem de Salvação, muda a sua maneira de pensar, de agir, de viver e deixa a sua vontade ser guiada por Ele. Então, os sentimentos que predominam nos nossos pensamentos serão bons, serão sentimentos de gratidão a Jesus Salvador.

Foi esta boa vontade que reuniu no dia 6 de Novembro numa pequena sala da igreja de São João Baptista em Tomar, dezasseis pessoas, amigos e cooperadores das Missões da SMBN.
Este encontro, consequente do Mês Missionário do Ano Santo da Misericórdia e previsto pela Equipa da Animação Missionária e Vocacional teve como animadores o Padre Tomás Borges e o Irmão Eduardo a residirem por nomeação no Seminário de São Francisco Xavier em Fátima.
Depois do acolhimento e da apresentação do Irmão Eduardo como responsável pela condução e apoio deste grupo feito pelo Padre Tomás e de um momento de oração e partilha da Palavra de Deus, seguindo-se um momento formativo sobre a “Misericórdia de Deus” dirigido pelo Padre Tomás. Seguidamente, o Ir Eduardo referiu-se à responsabilidade desta sua missão, agradeceu o acolhimento de todos e expôs a dinâmica pretendida, assim como a periocidade dos futuros encontros. Seguiu-se como habitualmente um momento de partilha e convívio, finalizando com entrega de assinaturas e vendas missionárias.

Esta paz que vem de Deus, sendo dirigida a todos os homens de boa vontade, reuniu estes antigos amigos e cooperadores nesta tarde de domingo na bela cidade de Tomar e é também uma paz dinâmica que age em todas as áreas da nossa vida e nos traz a alegria do espírito missionário. Foi esta paz que imprimiu o ânimo missionário nos pastores em Belém e quando esta paz de Deus encontra um homem ou uma mulher de boa vontade ela repousa sobre a vida dessa pessoa, que experimenta a alegria da salvação nos seus pensamentos, nos seus sentimentos, ao redor de si, na sua casa e no seu trabalho. A dinâmica da animação missionária acompanha e transforma qualquer pessoa num instrumento de paz. in VM,dez.2016

Que neste Natal sejamos homens e mulheres de boa vontade para que a paz que vem de Jesus possa encontrar-nos.  

Mensagens populares deste blogue

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos