EUA Barack Obama avisa que «estigmatizar muçulmanos alimenta o terrorismo»

EUA
Barack Obama avisa que «estigmatizar muçulmanos alimenta o terrorismo»

O Presidente norte-americano, Barack Obama, avisou que estigmatizar os muçulmanos e atuar comse o país estivesse em guerra com o Islão daria força aos extremistas e teria um custo humano e moral para os Estados Unidos.
O Presidente lembrou que os “terroristas pretendem que nos viremos uns contra os outros” e por isso não convém “abusar de mudanças” na estratégia contra o terrorismo internacional, sublinhando que grupos extremistas como o Estado Islâmico “não representam todos os muçulmanos” do mundo, nem os que vivem nos Estados Unidos. “Se estigmatizarmos os muçulmanos bons e patrióticos, isso só alimenta o argumento dos terroristas. Se atuarmos como se estivéssemos em guerra com o Islão, não
só perderemos mais vidas, como perdemos os nossos princípios, aqueles pelos quais lutamos”,
advertiu Barack Obama.
O Presidente alegou que os Estados Unidos são um país que querem viver numa “sociedade que seja
aberta e livre, e onde “se julga as pessoas pelo seu carácter” e não pela cor da sua pele ou apelido.
“Isso é o que nos separa dos tiranos e dos terroristas”, acrescentou. in VM, jan.2017

(187)

Mensagens populares deste blogue

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos