VENEZUELA Parlamento da Venezuela declara emergência alimentar no país

Parlamento da Venezuela declara emergência alimentar no país
15/3/2017
A Assembleia Nacional da Venezuela, onde a oposição ao Governo está em maioria, declarou esta terça-feira o estado de emergência alimentar no país.
Partilhe
Os deputados presentes consideram que a Venezuela está 
em crise alimentar devido à escassez de mais de 90% de 
matéria-prima de que a indústria necessita
MIGUEL GUTIERREZ/EPA Autor Agência Lusa

A Assembleia Nacional da Venezuela, onde a oposição ao Governo está em maioria, declarou na terça-feira o estado de emergência alimentar no país. A declaração foi aprovada numa sessão do parlamento em que não estiveram presentes os deputados do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), no Governo. Os deputados presentes consideram que a Venezuela está em crise alimentar devido à escassez de mais de 90% de matéria-prima de que a indústria necessita, num país onde a inflação anual é de mais de 700%.
O debate foi aberto pelo deputado Carlos Paparoni, do Estado de Mérida (oeste do país), que afirmou que desde janeiro 27 menores “morreram de fome” na Venezuela, onde metade das crianças sofre de desnutrição, “três milhões de venezuelanos procuram diariamente alimentos no lixo e 80% [da população] passa fome”. Por outro lado, o deputado Eliezer Srit insistiu na importância de abrir um canal humanitário para minimizar as “grandes necessidades” dos venezuelanos.

Os deputados decidiram enviar à Organização de Estados Americanos e à Organização das Nações Unidas uma cópia da declaração de emergência alimentar no país.

Mensagens populares deste blogue

EGIPTO Nova explosão no Egito às portas de outra igreja

FÁTIMA Centenário das Aparições – Papa Francisco presidirá à canonização de Francisco e Jacinta Marto

SÍRIA Coligação internacional bombardeia barco e mata mulher e filhos